O que o Argo pode fazer pela Fiat
23 de junho de 2017 – 14:52 | Comentários desativados

Criado para substituir o Punto, o Bravo e algumas versões do Palio, o hatch produzido em Betim faz parte de uma estratégia que não mira só o volume de vendas, mas principalmente a redução de …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » F1

Wolff acha que teremos, ao menos, 18 carros no grid em 2015

Submitted by on 2 de dezembro de 2014 – 10:34No Comment

02

O chefe de equipe da Mercedes, Toto Wolff, avalia que é menor o risco de termos menos que 18 carros no grid de largada da Fórmula 1 no ano de 2015, segundo conversa com a revista Sponsors.

Para o dirigente, Marussia e Caterham sucumbiram devido a um modelo considerado insustentável e que Sauber, Lotus e Force India acabarão sobrevivendo.

“Não creio que vamos perder mais equipes. Pelo menos essa é a mensagem que recebo das equipes. Agora, estamos simplesmente discutindo como o bolo pode ser dividido de maneira diferente”, disse.

Para o austríaco, a Mercedes está disposta a ceder em alguns pontos e ajudar os times menores, mas ele revela que dois times são contrários a essas concessões.

“Ferrari e Red Bull assumem a posição de que ‘não é um problema nosso, e sim das equipes afetadas’. Não podemos ter um sistema socialista. Equipes como Marussia e Caterham são as próprias responsáveis por seu colapso. Se uma equipe está em uma situação onde está sendo esmagada por uma montanha de dívidas, você precisa questionar se ela foi bem gerenciada. Se você gasta mais do que tem, precisa ter um plano para pagar as dívidas”, falou.

Fonte: Amigos da Velocidade

Comments are closed.