Surpresa! Xiaomi anuncia entrada no mercado de automóveis com seu primeiro SUV
12 de abril de 2019 – 12:07 | Comentários desativados em Surpresa! Xiaomi anuncia entrada no mercado de automóveis com seu primeiro SUV

A gigante chinesa Xiaomi já faz, com muita competência, smartphones, computadores, pulseiras inteligentes, scooters e todo os tipo de produto que ajuda a nossa vida, mas faltava, talvez, a cereja do bolo. A empresa, agora …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Indústria

VW deve renovar o ‘fiasco’ Phaeton, mesmo com corte de gastos

Submitted by on 28 de janeiro de 2015 – 14:17No Comment

03

Depois de a Volkswagen ter embarcado em um grande movimento para cortar custos, especialistas da indústria estão surpreendidos com o planejamento da fabricante de gastar milhões de euros atualizando um sedã de luxo.

O Phaeton de 76 mil euros (US$ 86 mil), um projeto de estimação do presidente do Conselho, Ferdinand Piech, nunca bateu a meta de vendas originalmente traçada pela VW de 20 mil carros por ano.
Analistas dizem que o sedã, que custou mais de 1 bilhão de euros para ser desenvolvido e lançado em 2002, deveria ser cortado.

Mas fontes da VW disseram à Reuters que a empresa está agora planejando uma versão mais avançada do Phaeton – descrito pelo analista Max Warburton, da Bernstein, como um dos três “carros europeus mais deficitários dos tempos modernos”.

Os planos parecem ainda mais desconcertantes para analistas após a VW ter se comprometido a fazer uma economia anual de 5 bilhões de euros em sua marca de carros de passageiros até 2017, conforme a empresa, segunda maior montadora do mundo em vendas, busca diminuir a diferença em relação à líder mundial Toyota.

Ao anunciar o “programa de eficiência” em julho passado, o presidente-executivo, Martin Winterkorn, prometeu “ação dolorosa” para reviver a marca, que viu suas margens de lucro definharem devido a uma proliferação de modelos e peças.

A remodelação do Phaeton irá bater de frente com o plano de corte de custos do CEO, disse o analista Arndt Ellinghorst, da Evercore ISI, acrescentando que a mudança de produção do modelo para a plataforma modular MLB da VW poderia custar até 650 milhões de euros.

A VW confirmou que estava planejando um sucessor para o Phaeton, mas se recusou a comentar detalhes ou custos. A empresa não divulga dados de vendas de marcas individuais, apenas os números de produção, que mostram que fabricou 5.812 Phaetons em 2013, segundo dados anuais públicos mais recentes.

Fonte: Reuters / G1
Foto: Divulgação

Comments are closed.