SUV Jeep Compass 2018 Impressiona o Segmento
21 de junho de 2017 – 12:46 | Comentários desativados

O novo Jeep Compass 2018 é um veículo bastante diferente dos seus outros segmentos, e por isso, promete chamar a atenção com sua tecnologia de ponta e com as novidades trazidas neste novo modelo. É …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Mercado

Toyota poderá ter divisão esportiva para carros de rua

Submitted by on 1 de dezembro de 2016 – 12:53No Comment

toyot-gt86-grmn-1

 

Responsável pelos carros de corrida da marca, Gazoo Racing assumiria a responsabilidade de ser uma divisão Motorsport japonesa

A Toyota poderá ter sua divisão esportiva destinada para carros de rua em breve, a exemplo dos Mercedes-AMG e BMW M. Isso pode acontecer no curto prazo, a partir do trabalho desenvolvido pela Gazoo Racing — parceira responsável pelos carros da marca que competem no Campeonato Mundial de Endurance (WEC) e Campeonato Mundial de Rali (WRC).

Segundo o site inglês Autocar, o objetivo da Toyota é transformar essa divisão de automobilismo em uma divisão de carros de rua preparados, tanto no motor quanto no visual. A Toyota já tem a TRD (Toyota Racing Development), mas a nova divisão Gazoo Racing faria um trabalho mais abrangente. Vale ressaltar que alguns modelos de rua já foram feitos pela Gazoo, mas restritos para o mercado japonês e comercializados apenas em versões limitadas, a exemplo do mais recente, o Toyota GT86 GRMN.

O chefe da Gazoo Racing e divisão de motores da Toyota, Koei Saga, afirma que há a intenção de aumentar a presença da Gazoo Racing em outros mercados além do Japão. Saga ainda diz: “na Europa, o desafio é maior porque temos mais concorrentes, fora que também há uma questão de custos. No entanto, estou trabalhando muito para que possamos ter uma divisão como a marca M.”.

Com apenas 100 unidades produzidas e vendidas apenas no Japão, o Toyota GT86 GRMN foi o último carro preparado pela Gazoo Racing. Ele tem o mesmo motor boxer de 4 cilindros e 2,0 litros, mas com 220 cv e 22,1 mkgf de torque ante os 200 cv e 20,9 mkgf originais. O esportivo também ganhou novos para-choques, um imenso aerofólio traseiro, bancos concha da Recaro, bem como novos ajustes de suspensão e redução em 45 kg no seu peso final por conta dos componentes de fibra de carbono e janelas de acrílico.

TEXTO: Diego Dias
FONTE: Quatro Rodas

Comments are closed.