Toyota Yaris sedã começa a chegar às concessionárias
12 de julho de 2018 – 8:51 | Comentários desativados

 Configuração sedã do Yaris começou a ser fabricada na semana passada e já chegou a concessionárias da marca no país
O Toyota Yaris sedã já começou a chegar às concessionárias da marca, de acordo com informações …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » F1

Times tem reunião nesta quinta sobre motores para 2017

Submitted by on 4 de fevereiro de 2015 – 12:57No Comment

01

O Grupo de Estratégia da F1 tem uma reunião marcada para esta quinta-feira (5) em Paris (França) e neste encontro, o chefão da F1, Bernie Ecclestone, apresentará uma proposta de mudança nos motores visando o ano de 2017.

De acordo com o jornal Gazzetta Dello Sport, a pretensão do inglês é que a F1 adote um motor V8, biturbo de 2.2 litros para daqui duas temporadas.

O dirigente tem reclamado dos atuais V6 turbo, com 1.5L e com uma única turbina e ele disse à revista Forbes que apesar de ter conseguido derrubar o congelamento dos propulsores e permitir que eles sejam desenvolvidos ao longo do ano, não seria o suficiente.

“É uma boa unidade de força e uma ótima demonstração de engenharia, mas não é feito para a F1″, disse.

No entanto, o inglês não tem apoio dos fabricantes. Para Andy Cowell, da Mercedes, em eficiência total, os motores V6 superariam os 1.600cv.

“A potência máxima dos V6 turbo, se atingirmos 100% de eficiência, é de 1630 cv. Seria perfeição, e perfeição é para que trabalhamos”, declarou.

Para Jean Todt, presidente da FIA, a entidade está aberta a propostas, mas ele não deseja impor mudanças aos times e fabricantes.

“Pessoalmente, estou aberto a qualquer sugestão construtiva, mas nas condições de que garantimos estabilidade das regulamentações técnicas. Se for possível aumentar a potência do motor sob as regras atuais, isso pode ser considerado uma evolução normal”, analisou.

Fonte: Amigos da Velocidade

Comments are closed.