Nova Honda CRF 450L é moto de trilha para rodar na rua
29 de maio de 2018 – 10:43 | Coment√°rios desativados

Versão amansada da CRF 450R de motocross encara o off-road pesado, mas também é homologada para uso nas estradas
A Honda apresentou a nova CRF 450L nos Estados Unidos e na Europa com uma proposta interessante. …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Dicas

Saiba o que fazer com seu carro em caso de enchente

Submitted by on 20 de janeiro de 2014 – 10:12No Comment

01

Ver√£o pode at√© ser a esta√ß√£o do ano mais esperada pelo calor, mas √© um per√≠odo de muitas chuvas no Brasil. E isso demanda mais cuidado dos motoristas. Alagamentos nas ruas podem comprometer o funcionamento dos ve√≠culos ou at√© mesmo colocar seus ocupantes em situa√ß√Ķes de risco. E mesmo depois de atravessar uma enchente com aparente sucesso, n√£o h√° garantias de que o carro n√£o tenha sofrido alguma avaria. O Centro de Experimenta√ß√£o e Seguran√ßa Vi√°ria listou 10 recomenda√ß√Ķes para quem transitar em √°reas alagadas.

1ª РSe o motor do carro morrer durante a travessia, não tentar dar a partida. O certo é mantê-lo desligado e remover o veículo até uma oficina. Diante da possibilidade de entrada de água, essa prática reduz o risco de danos causados ao motor por um calço hidráulico.

2¬™ – Observar a altura do n√≠vel de √°gua do trecho alagado. A maioria das montadoras estabelece uma altura m√°xima para essas travessias e a dist√Ęncia n√£o pode exceder o centro da roda.

3¬™ – Dirigir o ve√≠culo em baixa velocidade, mantendo uma rota√ß√£o maior e constante ao motor, em torno de 2.500 rpm. Isso diminui a varia√ß√£o do n√≠vel da √°gua e o seu respingar junto ao motor, dificultando sua entrada indevida e, consequentemente, a contamina√ß√£o de componentes eletroeletr√īnicos.

4ª РVeículos com transmissão automática devem ser colocados na posição de trocas manuais. Assim, o automóvel não desenvolve tanta velocidade e se tornar possível aumentar a rotação do motor, mantendo-a sempre em torno de 2.500 rpm.

5¬™ – Se o ve√≠culo for autom√°tico e tiver as op√ß√Ķes ‚ÄúWINTER‚ÄĚ ou ‚ÄúSNOW‚ÄĚ para ajuste de tra√ß√£o, utilizar esses recursos. Embora a fun√ß√£o desses dispositivos seja a de conferir maior seguran√ßa durante trechos de baixa ader√™ncia, como neve ou lama, evitando que o ve√≠culo patine gra√ßas ao bloqueio do diferencial, esses recursos tamb√©m devem ser utilizados durante alagamentos, pois beneficiam o controle da velocidade do ve√≠culo e da rota√ß√£o do motor.

6¬™ – Manter a calma em caso de aumento de esfor√ßo na dire√ß√£o hidr√°ulica, varia√ß√£o na ilumina√ß√£o das luzes do painel, alertas sonoros, flutua√ß√£o dos ponteiros, luzes de anomalia da inje√ß√£o eletr√īnica, bateria e ABS (se dispon√≠vel) acesas, aumento do esfor√ßo ao acionar os freios e interrup√ß√£o do funcionamento da tra√ß√£o 4 x 4 em ve√≠culos a diesel. Todos esses sintomas, provavelmente, s√£o causados pela perda de ader√™ncia entre a correia auxiliar e as respectivas polias da bomba da dire√ß√£o hidr√°ulica, alternador e, nos casos de motor a diesel, bomba de v√°cuo. Na maioria das vezes, s√£o fatos passageiros que n√£o impedem a dirigibilidade.

7¬™ – Desligar o ar-condicionado. Isso impede que alguns componentes joguem √°gua na tomada de ar do motor, reduzindo o risco de cal√ßo hidr√°ulico. √Č importante ainda manter o menor n√ļmero poss√≠vel de equipamentos ligados. Ve√≠culos rebaixados e turbinados, na maioria das vezes, apresentam maiores riscos de sofrer cal√ßo hidr√°ulico. Nesses casos, √© importante redobrar a aten√ß√£o.

8¬™ – Fazer um check-up preventivo caso tenha passado por um grande alagamento. Assim, √© poss√≠vel corrigir altera√ß√Ķes do sistema de inje√ß√£o eletr√īnica que, muitas vezes simples e impercept√≠veis na fase inicial, podem gerar grandes transtornos posteriormente.

9¬™ – Depois de passar por um alagamento, leve o ve√≠culo a oficina. Entre outros problemas, pode ocorrer a contamina√ß√£o do c√Ęnister, do √≥leo da transmiss√£o e, nos casos de autom√≥veis com tra√ß√£o traseira ou quatro por quatro, do(s) eixo(s) diferencial(is), o que determina a redu√ß√£o da vida √ļtil dos componentes integrantes desses conjuntos e riscos acentuados de falhas na embreagem, suspens√£o e freios.

10ª РFazer uma limpeza no sistema de ventilação. Após travessias de alagamentos, os ocupantes do carro ficam sujeitos à contaminação por fungos, microorganismos e bactérias.

Fonte: MotorDream
Foto: Ilustração: Afonso Carlos/CZN

Comments are closed.