Salão do Automóvel de São Paulo: luxo dribla a crise e carrões com preços milionários voltam à cena
11 de novembro de 2018 – 13:20 | Comentários desativados em Salão do Automóvel de São Paulo: luxo dribla a crise e carrões com preços milionários voltam à cena

 
Confira alguns lançamentos da mostra, como os três utilitários mais caros do Brasil
Crise, que crise? O ano de 2018 deve fechar com 40 Ferraris vendidas no Brasil. E tem ainda Maserati, Lamborghini e Rolls-Royce… Essas …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » F1

Presidente da Ferrari mostra apoio a Domenicali: “Foi criado entre nós”

Submitted by on 5 de agosto de 2013 – 11:19No Comment

17

Se a relação de Luca di Montezemolo, presidente da Ferrari, não está boa com Fernando Alonso, ao menos com Stefano Domenicali, chefe da equipe, parece ir muito bem. De acordo com o italiano, o dirigente é a pessoa certa para comandar o time.

Na atual temporada, o piloto espanhol conquistou duas vitórias, nas provas da China e Espanha. Porém, nas últimas etapas vem mostrando um desempenho mais discreto, o que não o tem agradado o bicampeão ou o chefão do time.

Mas mesmo com isso em vista, e que o dirigente ainda não conquistou nenhum título de pilotos, o chefão disse que o bom passado do compatriota não deve ser esquecido, apesar de precisar apresentar melhores resultados. “Stefano nasceu e foi criado entre nós com todo o seu ponto de vista gerencial. Mas ele sabe que precisa de resultados”, disse em entrevista à publicação “Corriere dela Sera”.

“Entretanto, quando se fala de Domenicali, uma coisa é certa: sob seu gerenciamento conquistamos um Mundial de Construtores e chegamos próximos de três títulos de pilotos. Dois deles poderíamos facilmente ter alcançado, e então a opinião das pessoas sobre ele seria diferente”, completou.

Por fim, Montezemolo ressaltou a dedicação do italiano com a equipe, e que ele faz o que for necessário para ter bons resultados. “Existe uma coisa que sempre lembro em relação a ele: sempre tira o máximo de cada indivíduo em sua organização, nunca está satisfeito e se for necessário, toma algumas decisões drásticas e dolorosas”, terminou.

Na classificação geral, Fernando Alonso aparece na terceira colocação da tabela, com 133 pontos, 39 de desvantagem do atual líder, Sebastian Vettel. Entre os Construtores, a Ferrari ocupa a terceira posição, com 83 pontos atrás da Red Bull, a primeira.

Fonte: Nathalia De Vivo / Tazio

Comments are closed.