Conheça o BMW concept 4, o protótipo que antecipa o série 4 Рsó ele quer ter grade de radiador
13 de setembro de 2019 Р14:45 | Comentários desativados em Conheça o BMW concept 4, o protótipo que antecipa o série 4 Рsó ele quer ter grade de radiador

Estande da BMW no Sal√£o de Frankfurt d√° spoilers sobre as novas gera√ß√Ķes do S√©rie 4, al√©m de novidades para o nicho dos SUV-cup√™ e um novo carro el√©trico.
Uma das atra√ß√Ķes da BMW¬† no Sal√£o …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » F1

Pirelli credita estouros desta sexta a detritos; pilotos exigem garantias

Submitted by on 23 de agosto de 2013 – 15:33No Comment

13

Uma nova s√©rie de estouros nos pneus da Pirelli, ocorridos nos treinos livres desta sexta-feira para o GP da B√©lgica, 11¬™ etapa da temporada 2013 da F1, geraram algumas preocupa√ß√Ķes entre os pilotos da categoria. Os problemas ocorreram justamente com duas das principais estrelas do grid, Sebastian Vettel e Fernando Alonso, entre as curvas 13 e 15 do tra√ßado de 7.004 metros.

Spa-Francorchamps √© uma pista que tem desenho um pouco parecidos com o de Silverstone, que sediou um desastroso GP da Inglaterra neste ano. Na ocasi√£o, quatro competidores (Lewis Hamilton, Felipe Massa, Jean-√Čric Vergne e Sergio P√©rez) sofreram com compostos esfacelados ao longo da prova, muito por conta da presen√ßa de muitas curvas velozes e de raio longo para a direita, que exigem bastante da borracha traseira esquerda.

Ao avaliar o ocorrido, o diretor esportivo da marca, Paul Hembery, argumentou que os estouros teriam sido causados pelo excesso de detritos presentes naquele trecho do traçado, e não por uma nova falha na estrutura das unidades. De qualquer forma, ele afirmou que a fabricante fará uma inspeção no traçado para descobrir o que, de fato, está acontecendo.

“Parece que, no caso da Red Bull, algo estava esfregando na superfície [do pneu] e aí acabou cortando-o. Já no caso da Ferrari, há dois buracos claros na parte superior da banda de rodagem, portanto temos que inspecionar a pista e ver o que tem ali entre as curvas 13 e 15″, apontou.

‚ÄúVimos diversos sinais de pequenos cortes na superf√≠cie de outros pneus, portanto claramente existe algo l√°. N√£o posso lhes dizer [ainda] o que √©, al√©m de que se trata de acontecimentos externos. [No incidente de Vettel], alguma coisa acertou [o carro] entre o pneu e o assoalho‚ÄĚ, acrescentou.

Ainda assim, Hembery admitiu que a nova sequ√™ncia de incidentes gerou certa preocupa√ß√£o na fornecedora italiana. ‚ÄúTemos que ir l√° e descobrir o que aconteceu. N√£o h√° muito que possamos fazer, mas vamos tentar nosso melhor para identificar a quest√£o e ter uma indica√ß√£o do que est√° causando isso‚ÄĚ, reconheceu.

Temerosos de que o fiasco de Silverstone possa se repetir, os pilotos enviaram um pedido formal √† FIA (Federa√ß√£o Internacional de Automobilismo), exigindo garantias por parte da Pirelli quanto √† seguran√ßa de seus produtos. ‚ÄúDeixamos isso nas m√£os de Charlie [Whiting, diretor de provas da entidade]. Temos que confiar nele‚ÄĚ, declarou um dos representantes dos pilotos. ‚ÄúPrecisamos de respostas e ‚Äėdetritos‚Äô n√£o √© uma resposta‚ÄĚ, alfinetou o companheiro de Vettel na Red Bull, Mark Webber.

Por conta dos riscos vistos no GP da Inglaterra, os competidores chegaram a ameaçar um boicote à etapa seguinte, na Alemanha. Por isso, FIA solicitou uma série de mudanças nas regras relacionadas aos pneus, incluindo a volta da estrutura usada em 2012, além de novos limites de pressão e cambagem, e também a proibição da inversão das rodas, procedimento corriqueiramente adotado pelos times até então. Para Spa, a Pirelli levou as borrachas de composição média e dura.

Fonte: Leonardo Felix / Tazio
Foto: AP Photo/Yves Logghe

Comments are closed.