Cotada para o Brasil, Opel prepara 8 novidades até 2020
16 de outubro de 2018 – 11:19 | Coment√°rios desativados

Alemã prepara os sucessores do Corsa e do Mokka X e também na eletrificação da gama
Empresa que atua de uma forma muito transparente na hora de comunicar suas estrat√©gias, algo raramente visto no setor, a …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Campeonatos, Curiosidades, F1

Piloto da Ferrari aos 16 anos, Enzo se espelha em Vettel e Raikkonen

Submitted by on 15 de dezembro de 2017 – 14:33No Comment

FITTIPALDI

Enzo Fittipaldi conseguiu, aos 16 anos, o sonho que pilotos como Michel Schumacher, Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen s√≥ foram conseguir perto dos 30 anos ‚Äď guiar uma Ferrari. Fazer parte do projeto da equipe italiana √© uma fa√ßanha que faz o jovem brasileiro sonhar com uma carreira na F√≥rmula 1.

O irmão mais novo de Pietro cumpriu em 2017 a primeira temporada na Academia Ferrari, projeto de formação de pilotos responsável por ter levado à principal categoria do automobilismo nomes como Jules Bianchi e Sérgio Perez. No próximo ano, Enzo vai conciliar os calendários da Fórmula 4 alemã e italiana, junto com a rotina de treinos típicos de quem participa de categorias de base. São horas no simulador, trabalhos de preparação física, aulas de italiano e exercícios que estimulam o raciocínio rápido e os reflexos, para auxiliar na reação às luzes da largada ou em manobras.

A tradi√ß√£o e o renome da escuderia italiana fazem o irm√£o mais novo de Pietro tamb√©m sonhar com a F-1. Ap√≥s se destacar em competi√ß√Ķes de kart nos EUA, a bateria de testes e a sele√ß√£o entre os seis escolhidos para fazer parte do time italiano o animou a mudar de continente e fixar resid√™ncia em Maranello. Enzo √© f√£ de Ayrton Senna.

“Conviver na Ferrari √© uma experi√™ncia incr√≠vel, porque voc√™ est√° na f√°brica, presencia o cotidiano da escuderia e dos principais pilotos. Ainda vejo quase sempre os dois pilotos (Sebastian Vettel e Raikkonen), ent√£o √© muito bom para o meu crescimento”, diz Enzo.

Os dois irm√£os, por√©m, dizem ter consci√™ncia que s√≥ o sobrenome n√£o ser√° capaz de alavanc√°-los na carreira. A dupla est√° acostumada a responder sobre a influ√™ncia do av√ī Emerson e de outros parentes, por√©m prefere evitar compara√ß√Ķes e se cobra para que os resultados na pista justifiquem a evolu√ß√£o na carreira, e n√£o apenas a rela√ß√£o familiar.

O próprio Emerson evitou forçar os filhos e os netos a iniciarem no automobilismo. O bicampeão mundial (nos anos de 1972 e 1974) preferiu que os descendentes iniciassem a paixão por correr por conta própria. Inclusive, da família Fittipaldi, há outro representante no caminho para se tornar piloto. O filho mais novo de Emerson, Emmo, de nove anos apenas, já começou a andar de kart.

O ex-piloto acompanha √† dist√Ęncia a carreira dos netos no automobilismo. Pietro e Enzo por pouco n√£o viram o av√ī em atividade. Emerson se aposentou na F√≥rmula Indy em 1996, ano do nascimento do mais velho dos irm√£os.

Assim como Enzo, o Brasil terá outro piloto na Academia da Ferrari no próximo ano. Gianluca Petecof, de 15 anos, acaba de ser selecionado para o projeto depois de se destacar e terminar o Mundial de Kart deste ano na sexta posição, a melhor entre os brasileiros.

Emerson em recupera√ß√£o. O bicampe√£o de F√≥rmula 1 Emerson Fittipaldi tem conseguido pouco a pouco diminuir as d√≠vidas milion√°rias que acumulou. Uma reportagem da TV Record no in√≠cio do ano passado mostrou d√©bitos pr√≥ximos a R$ 27 milh√Ķes, informa√ß√£o contestada pelo ex-piloto.

Emerson admite ter um valor pendente a acertar com credores, porém garante que tem diminuído o que deve. Para solucionar o problema, gerado por investimentos que não deram certo, foi preciso a Justiça apreender bens e levá-los a leilão, como troféus conquistados na carreira e carros históricos, como a Penske vencedora das 500 Milhas de Indianápolis em 1989 e o Copersucar, usado na temporada 1977 da Fórmula 1 e fabricado pelo próprio Emerson.

Uma de suas √ļltimas movimenta√ß√Ķes patrimoniais ocorreu no √ļltimo m√™s. Um leil√£o arrematou cerca de R$ 10 milh√Ķes um im√≥vel rural em Araraquara (SP) que pertencia ao ex-piloto. O bem foi negociado em cumprimento √† decis√£o do Tribunal de Justi√ßa de S√£o Paulo por a√ß√Ķes movidas por bancos.

No √ļltimo GP do Brasil, em Interlagos, Emerson circulou pelo paddock e disse que est√° conseguindo resolver as pend√™ncias. Garantiu ter patrim√īnio suficiente para pagar aos credores.

Texto: Ciro Campos

Fonte: Estad√£o

Rod√£o

Comments are closed.