Conheça o BMW concept 4, o protótipo que antecipa o série 4 Рsó ele quer ter grade de radiador
13 de setembro de 2019 Р14:45 | Comentários desativados em Conheça o BMW concept 4, o protótipo que antecipa o série 4 Рsó ele quer ter grade de radiador

Estande da BMW no Sal√£o de Frankfurt d√° spoilers sobre as novas gera√ß√Ķes do S√©rie 4, al√©m de novidades para o nicho dos SUV-cup√™ e um novo carro el√©trico.
Uma das atra√ß√Ķes da BMW¬† no Sal√£o …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Mercado

Pesquisa: brasileiros preferem carros brancos e pratas

Submitted by on 19 de novembro de 2014 – 10:59No Comment

16

Uma pesquisa realizada com base em dados de 2014 sobre cores automotivas revelou que o branco e o prata continuam a ser as tonalidades de carro mais populares no Brasil e na América do Sul em geral (32% cada tom).

De acordo com a PPG Industries (NYSE:PPG), empresa do ramo de tintas e revestimentos que divulgou a pesquisa, as cores citadas s√£o seguidas pelo preto (13%), cinza (11%), vermelho (8%) e azul (2%).

Os dados obtidos ainda v√£o al√©m, apontando que o branco √© mais procurado para SUVs (28%), minivans (52%), picapes (54%) e caminh√Ķes leves (36%), j√° o prata √© mais popular para autom√≥veis compactos ‚Äď como hatches (32%), sedans (35%) e station wagons (30%) ‚Äď e de m√©dio porte (32%).

‚ÄúOs fabricantes buscam continuamente novas formas de criar uma apar√™ncia exclusiva para os ve√≠culos. Como a sele√ß√£o de cores ocorre dois ou tr√™s anos antes do ano do modelo, √© importante para as companhias associarem a popularidade da cor com as tend√™ncias de consumo globais‚ÄĚ, comenta Alex Lair Amorim, Gerente de Pigmentos do Laborat√≥rio P&D OEM Automotivo da PPG Industries.

Segundo o estudo da PPG Industries, o branco tamb√©m fica com a primeira coloca√ß√£o mundial na prefer√™ncia dos consumidores (aumento de 3% com rela√ß√£o a 2013, atingindo 28%), seguido pelo preto (18%), pelo prata e pelo cinza, empatados em terceiro lugar (13% cada um). A popularidade do prata continua a diminuir pelo mundo, com queda de 7% em rela√ß√£o aos dois √ļltimos anos.

Na Europa, no entanto, enquanto o branco (25%), preto (15%) e cinza (14%) também figuram entre os primeiros colocados, os tons naturais, como dourados, beges, amarelos, laranjas e marrons, continuam a crescer (12%).

‚ÄúAtualmente, as empresas podem escolher entre uma ampla gama de cores, bem como uma diversidade de varia√ß√Ķes de tons conservadores, como branco, prata, preto e cinza, e efeitos distintos, como micas, flocos de vidro, al√©m de pigmentos finos de alum√≠nio brilhante que mudam de tom‚ÄĚ, completa Amorim.

Fonte: Alexandre Ciszewski / Carplace

Comments are closed.