Conheça o BMW concept 4, o protótipo que antecipa o série 4 – só ele quer ter grade de radiador
13 de setembro de 2019 – 14:45 | Comentários desativados em Conheça o BMW concept 4, o protótipo que antecipa o série 4 – só ele quer ter grade de radiador

Estande da BMW no Salão de Frankfurt dá spoilers sobre as novas gerações do Série 4, além de novidades para o nicho dos SUV-cupê e um novo carro elétrico.
Uma das atrações da BMW  no Salão …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Mercado

Nova geração do Audi R8 chega ao Brasil no 2° semestre de 2016

Submitted by on 3 de março de 2015 – 14:37No Comment

08

Apresentada ao público no Salão de Genebra, a nova geração do Audi R8 só chegará ao Brasil no final de 2016. Na Europa, o esportivo terá as versões V10 e V10 Plus, e começa a ser vendido em setembro deste ano.
Além dele, a marca alemã terá outras atrações para o Brasil, ainda em 2015. A primeira delas será o SUV grandalhão Q7, que chega no segundo semestre em nova geração. O modelo foi mostrado no início do ano, nos Estados Unidos.

Já o hatch esportivo RS3, que tem motor de cinco cilindros, 2.5 litros e 367 cavalos de potência, também desembarca no país em 2015. Tanto o SUV, como o hatch não tiveram preços divulgados.

Nacionalização
Além dos novos carros importados, a Audi volta a ser fabricante nacional, em setembro. É quando fica pronta a linha de montagem na fábrica da Volkswagen, em São José dos Pinhais (PR).

O primeiro veículo a sair de lá será o compacto A3 Sedan, já com motor 1.4 flex, também nacional, feito em São Carlos (SP), em outra parceria com a Volkswagen. Números de potência não foram divulgados.

Outro modelo que será nacionalizado é o SUV Q3. Ele ganha cidadania brasileira em 2016, já com a reestilização europeia. Quando estiver em plena produção, a linha paranaense da Audi será capaz de montar 16 mil A3 Sedan e 10 mil Q3.

E-tron nem tão perto

Atração da marca no Salão de São Paulo, o hatch híbrido plug-in, A3 e-tron pode estar mais longe do país. A marca não confirma que deixará de oferecer o carro por aqui, mas o G1 apurou que a ida do carro pode ser dificultada. Um dos motivos seria o dólar em alta.

Fonte: André Paixão / G1
Foto: André Paixão/G1

Comments are closed.