Nissan planeja ofensiva ‘verde’ com Leaf e produção de híbridos no Brasil
22 de agosto de 2018 – 15:44 | Comentários desativados

Enquanto prepara mais versões da Frontier, agora produzida na Argentina, e a nova geração do March para os próximos anos, a Nissan quer incluir o Brasil na onda dos veículos elétricos e híbridos, que consomem …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Novidades

NOVA FORD F-150 RAPTOR SERÁ MAIS LEVE, POTENTE E AINDA MAIS RÁPIDA

Submitted by on 5 de maio de 2016 – 8:28No Comment

ford-f-150-raptor

Sonho de 10 entre 10 amantes de picapes, a versão esportiva Raptor da Ford F-150 está prestes a chegar ao mercado americano repleta de novidades mecânicas e estruturais, além do novo design, já renovado na linha 2016.

Debaixo do capô, o tradicional motor V8 de 416 cavalos dá lugar a um V6 Ecoboost com pelo menos 456 cavalos. A transmissão terá 10 velocidades (a mesma utilizada no novo Camaro ZL1, desenvolvida em parceria com a GM), garantindo um melhor aproveitamento em acelerações que a antiga caixa de seis marchas. Além disso, as três ultimas marchas possuirão função overdrive para otimizar o consumo. Outra novidade é que o novo câmbio é construído com materiais leves, sendo ainda a primeira da marca a não usar nenhum componente de ferro fundido.

Assim como a nova F-150, a Raptor fará uso intenso de alumínio, proporcionando uma redução de peso de consideráveis 226 kg. Mais larga e com suspensão reforçada com maior curso, ela já deu uma pequena amostra do que é capaz no vídeo abaixo, com cenas de tirar o fôlego no deserto.

A linha “normal” da F-150 também receberá o novo conjunto de motor e transmissão de 10 velocidades, em configuração mais mansa. Com alterações nos cilindros, pressão do turbo e sistema de injeção, o V6 3.5 Ecoboost vai desenvolver 411 cv e 62,2 mkgf de torque, 4 mkgf de torque a mais em comparação com a primeira geração do V6 Ecoboost de 2,7 litros, além de adotar um sistema start-stop (que não funciona quando o 4×4 está ativado ou se há algum reboque).

Fonte: Quatro Rodas
Texto: Diego Dias

Comments are closed.