Avaliação: Honda Civic 2018 muda para recuperar terreno
19 de junho de 2018 – 11:45 | Comentários desativados

A linha 2018 do Civic trouxe leves retoques e central multimídia disponível em todas as versões. Tudo para ajudá-lo a vencer a concorrência
Em 2009, comprei um Honda Civic LXS, com o qual fiquei por três …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » F1

Mesmo ganhando no tribunal, holandês pode ficar fora do GP da Austrália

Submitted by on 12 de março de 2015 – 13:48No Comment

01

Embora a justiça da Austrália tenha dado ganho de causa para Giedo Van Der Garde no processo movido por ele contra a Sauber, em que ele reivindica o cumprimento do contrato entre o time e ele, bem como solicitado apreensão de equipamentos para o cumprimento da decisão a seu favor, sua participação no GP da Austrália pode esbarrar em um problema e tanto.

O piloto teria passado o inverno preparando-se fisicamente visando a disputa da temporada, já que ele não esteve presente em nenhuma sessão da pré-temporada andando com o carro. No entanto, comenta-se no paddock de Melbourne que o holandês teria esquecido de um detalhe fundamental: a sua superlicença.

De acordo com o jornalista Michael Schmidt, do Auto Motor und Sport, Giedo não teria a permissão para pilotar um F1, e a emissão tem prazo de 14 dias, o que o afastaria do GP da Austrália. Ainda que alegue razão de força maior, haveria a necessidade de um prazo de 48 horas antes da inspeção na quinta-feira antes da corrida.

“Sua participação na Austrália é altamente improvável. O holandês não possui uma super licença válida”, cravou.

“O automóvel clube nacional relevante só solicitou a licença na quarta-feira, 11 de março, e o processo geralmente leva 14 dias”, comentou.

Fonte: Sandro Varela / Amigos da Velocidade

Comments are closed.