Toyota Yaris sedã começa a chegar às concessionárias
12 de julho de 2018 – 8:51 | Comentários desativados

 Configuração sedã do Yaris começou a ser fabricada na semana passada e já chegou a concessionárias da marca no país
O Toyota Yaris sedã já começou a chegar às concessionárias da marca, de acordo com informações …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Motos

KTM 1190 Adventure ganha inédito controle de estabilidade

Submitted by on 25 de setembro de 2013 – 11:34No Comment

08

A KTM apresentou nesta terça-feira (24) a versão 2014 da 1190 Adventure, que traz como grande novidade um inédito controle de estabilidade. De acordo com a empresa, esta é a primeira moto a receber este tipo de dispositivo, com conceito similar já presente nos automóveis.

Produzido em parceria com a Bosch, o sistema faz freios ABS e controle de tração trabalharem em conjunto, com o objetivo de auxiliar o motociclista a não perder o controle da moto.
Um dos principais pontos é o funcionamento do ABS em curvas, melhor que o dos sistemas convencionais, informa a fabricante.

Com vendas marcadas para o início de dezembro, na Europa, a 1190 Adventure com o “Motorcycle Stability Control” (MSC) custará 13.995 euros, na versão Standard, e 15.495 euros, para a versão mais esportiva R. A marca austríaca disponibiliza a instalação do MSC nas motos 2013, já que a 1190 Adventure foi lançada mundialmente ano passado, com o kit custando 399 euros.

Com o MSC, os freios da 1190 Adventure passam a ser combinados, ou seja, independente do acionamento do freio dianteiro ou traseiro, o sistema vai analisar qual a melhor grau de frenagem para cada eixo e repartir a força automaticamente. Atuando também em conjunto com o controle de tração, o sistema promete impedir as rodas de derraparem em frenagens, mesmo em curvas.

Normalmente, ao frear em um curva, as “leis da física” fazem a moto se endireitar, o que pode ser perigoso, pois faz o motociclista perder a tangente. Segundo a empresa, o MSC também minimiza este efeito, além de evitar “empinões”, capotagem, em caso de frenagem brusca, e derrapagens em acelerações.

No entanto, a marca declarou que o sistema traz mais segurança, mas adverte que não há como ir além das “leis da física”. No restante, a 1190 segue com o mesmo conjunto mecânico, baseado no motor V2 de 152 cavalos de potência e 12,74 kgfm de torque.

Segundo a marca, o intervalo para as revisões é de 15.000 km. Além da Adventure, a 1190 possui a versão R, com aptidões mais off-road, como roda de 21 polegadas na dianteira – contra 19 polegadas na 1190 original. Além do pacote MSC, a moto tem suspensões com ajustes eletrônicos, não presente na R.

Fonte: G1
Foto: Divulgação

Comments are closed.