Salão do Automóvel de São Paulo: luxo dribla a crise e carrões com preços milionários voltam à cena
11 de novembro de 2018 – 13:20 | Comentários desativados em Salão do Automóvel de São Paulo: luxo dribla a crise e carrões com preços milionários voltam à cena

 
Confira alguns lançamentos da mostra, como os três utilitários mais caros do Brasil
Crise, que crise? O ano de 2018 deve fechar com 40 Ferraris vendidas no Brasil. E tem ainda Maserati, Lamborghini e Rolls-Royce… Essas …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Indústria

Koenigsegg One:1 atingirá pelo menos 450 km/h

Submitted by on 1 de outubro de 2013 – 11:50No Comment

16

Em primeiro lugar, a designação “One:1” refere-se à relação peso-potência, que será verdadeiramente 1:1, já que outros carros conseguiram isso através da medição de peso seco, enquanto que o One:1 vai tê-la incluindo água, óleo, combustível e outros fluidos. Isto é o que Christian disse, acrescentando que o carro vai produzir 1.419 cavalos.

Os computadores da Koenigsegg mostraram que o carro será o mais rápido nas acelerações de 0 a 200 km/h, de 0 a 300 km/h e de 0 a 400 km/h. Na verdade, a empresa sueca menciona que bater a marca dos 400 km/h vai demorar espantosos 20 segundos, o que faria o carro ser 25 segundos mais rápido que o poderoso Veyron.

A velocidade máxima será de pelo menos 450 km/h, que é consideravelmente mais do que os 415 km/h do Bugatti Veyron Super Sport World Record Edition. Não podemos deixar de mencionar que o Veyron WRE pode fazer 431 km/h, mas a versão de produção foi vendida com um limitador de velocidade eletrônico, o que poderia acontecer também com o One:1.

O dono da empresa anunciou que um protótipo estará pronto antes do final de 2013, com a produção limitada a seis carros.

Embora o preço seja “substancialmente superior” em comparação com o Agera R, a demanda pelo One:1 é forte, mas mesmo assim Koenigsegg acredita que eles vão perder dinheiro com este carro. Por outro lado, o One: 1 vai aumentar a conscientização da marca e deve criar lucros futuros sobre os próximos modelos, já que a pesquisa e o desenvolvimento utilizados no carro poderão aparecer em modelos “menores”.

“Ninguém precisa de um carro como este, eles simplesmente precisam querer ter um”, disse Christian von Koenigsegg.

Fonte: Quatro Rodas

Comments are closed.