Toyota Yaris sedã começa a chegar às concessionárias
12 de julho de 2018 – 8:51 | Comentários desativados

 Configuração sedã do Yaris começou a ser fabricada na semana passada e já chegou a concessionárias da marca no país
O Toyota Yaris sedã já começou a chegar às concessionárias da marca, de acordo com informações …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » F1

Insensível, Kimi diz que trabalho “começou bem” na Ferrari

Submitted by on 29 de janeiro de 2014 – 13:36No Comment

14

Oficialmente, na pista, o finlandês Kimi Räikkönen voltou à escuderia Ferrari nessa terça-feira [28] no primeiro dia de testes coletivos da F1 visando a temporada 2014. Kimi completou 31 voltas com o novo modelo F14T e fechou a sessão de treinamento como o mais veloz – ao registrar a marca de 1min27s104 em sua melhor passagem pela circuito de Jerez de la Frontera, na Espanha.

O trabalho dessa 3ª-feira, todavia, foi mais intenso nos boxes do que necessariamente na pista. Os novos carros da equipes apresentaram inúmeras falhas – algo natural a partir de projetos completamente diferentes diante das regras técnicas dessa temporada. Räikkönen, em seu estilo, entendeu que a programação de desenvolvimento “começou bem”.

Impressão – “Eu acho que o maior desafio é fazer com que todo o conjunto trabalhe como nós queremos, fazer o motor trabalhar em conjunto com o motor elétrico pois todos esses pequenos detalhes são agora mais complicados que estávamos habituados”, disse.

“Mas quanto a forma de pilotagem, não penso que esteja tão diferente. De qualquer modo, este é apenas o primeiro dia, e com tantas coisas novas leva sempre tempo até fazermos tudo como queremos. Há um longo caminho pela frente, muito trabalho”.

Problema nas costas – “Não, agora está tudo bem”, declarou sobre sobre a dores que o levaram a uma cirurgia no final do ano passado. “Pelo menos hoje [ontem] não tive problemas e também espero ter. Mas nunca se sabe o que pode acontecer”.

Sentimento – Kimi respondeu no estilo ‘homem de gelo’ quando o assunto foi emoção em retornar à Ferrari. “Não, já estive antes e conheço a maioria das pessoas. É uma equipe diferente da que estive no ano passado mas não sinto a Ferrari como uma nova equipe para mim”.

Fonte: Amigos da Velocidade

Comments are closed.