Salão de Detroit dá adeus ao inverno e aos preços altos
15 de janeiro de 2019 – 10:39 | Comentários desativados em Salão de Detroit dá adeus ao inverno e aos preços altos

Com dúvidas sobre o futuro do mercado automobilístico, o salão americano vai passar por transformações em 2020.
O Salão de Detroit, principal salão de automóveis americano, tem nesta terça-feira seu segundo dia já com um atrativo …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Indústria

Hyundai quer produzir novo modelo no Brasil e já fala em exportar o HB20

Submitted by on 22 de abril de 2015 – 14:34No Comment

08

Na contramão do mau momento do mercado e da tendência seguida pela concorrência, a Hyundai do Brasil passa longe de pensar em reduzir o ritmo de produção ou conceder férias coletivas na fábrica de Piracicaba (SP). Operando atualmente em três turnos 24 horas por dia, a marca vê sua participação diante das rivais só crescer e acompanha a escalada do HB20 rumo aos primeiros lugares do mercado. Dentro dessa perspectiva, os executivos da empresa já falam na nacionalização de um novo modelo e na exportação do compacto para países vizinhos.

Em entrevista concedida ao jornal O Estado de S. Paulo, William Lee, presidente da montadora, comemorou o crescimento da participação no mercado (que saltou de 6,6% no primeiro trimestre de 2014 para 7,5% no mesmo período deste ano) e a boa performance do HB20, que foi o carro mais vendido do país na primeira quinzena de abril. Questionado sobre eventuais preocupações com o atual momento econômico, o executivo disse acreditar que os ajustes fiscais promovidos pelo governo trarão resultados positivos em 2016.

Pegando embalo na perspectiva de recuperação da economia, Lee confessou que existem planos para fabricação de um novo veículo no complexo paulista. Atualmente responsável apenas pela montagem da linha HB20 (hatch, sedã e aventureiro), a planta pode receber a produção de um utilitário compacto ou um modelo médio (seria finalmente o ix25?). Se os investimentos forem altos, os motores e as transmissões, atualmente importados da Coreia do Sul, também serão nacionalizados.

Outra promessa é iniciar a comercialização do HB20 em países parceiros do Brasil como Argentina e México. No entanto, deve haver demanda suficiente dos mercados compradores para justificar o investimento, disse o executivo.

Fonte: Dyogo Fagundes / Carplace

Comments are closed.