Nissan planeja ofensiva ‘verde’ com Leaf e produção de híbridos no Brasil
22 de agosto de 2018 – 15:44 | Comentários desativados

Enquanto prepara mais versões da Frontier, agora produzida na Argentina, e a nova geração do March para os próximos anos, a Nissan quer incluir o Brasil na onda dos veículos elétricos e híbridos, que consomem …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Indústria

Governo recua e ítens de segurança serão obrigatórios

Submitted by on 18 de dezembro de 2013 – 10:14No Comment

08

Ao contrário do que se esperava, o governo federal manterá a obrigatoriedade de aibags e freios ABS para 100% dos automóveis fabricados no Brasil. Deste modo, a partir do dia 1° de janeiro, apenas carros com esses itens de segurança poderão ser vendidos. Logo, voltou a valer a determinação do Conselho Nacional de Trânsito definida em 2009.

O Ministro da Fazenda, Guido Mantega, havia considerado mudar a regra às vésperas do prazo final, uma vez que temia o aumento excessivo dos preços finais dos veículos, principalmente devido ao reajuste do IPI. Além disso, O Sindicato dos Operários do ABC também pressionara o governo, alegando que quatro mil funcionários que trabalhavam na linha de montagem dos modelos Gol G4 e Kombi, ambos da Volkswagen, seriam demitidos com a mudança da lei, pois os veículos deixariam de ser produzidos.

No entanto, a obsoleta van da Volkswagen pode ser uma exceção e continuar sendo produzida. Uma reunião foi marcada para dia 23 e definirá a situação da Kombi, cuja estrutura simplista não permite a instalação de airbags e freios ABS. Mantega admite que o governo estudará beneficiar a tradicional van, que não tem similar no mercado. A Kombi é fabricada apenas no Brasil. Aliás, o veículo deixou de ser comercializado na Alemanha ainda na década de 70.

Fonte: David Sharp / MotorDream
Foto: Reprodução

Comments are closed.