Yamaha lança moto de 3 rodas, a Niken, e mostra protótipo de Ténére 700
13 de novembro de 2017 – 10:07 | Comentários desativados

Yamaha lançou na segunda-feira (6), na Itália, sua primeira moto de alta cilindrada de 3 rodas. O modelo Niken já havia aparecido no Salão de Tóquio, mas somente agora a empresa revelou todos os detalhes …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Indústria

BMW inaugura sua 1ª fábrica no Brasil, em Araquari, SC

Submitted by on 10 de outubro de 2014 – 11:31No Comment

04

A BMW inaugurou oficialmente sua primeira fábrica no Brasil, em Araquari, no Norte catarinense, nesta quinta-feira (9). A produção começou no último dia 30, com o sedã Série 3, modelo mais vendido pela montadora alemã no mercado brasileiro e no mundo. O próximo a ser nacionalizado é o utilitário X1, no fim deste mês. No ano que vem passarão a ser fabricados também os modelos Série 1, o menor em preço, X3, também um utilitário, e o Mini Cooper Countryman. A ordem não foi divulgada.

Neste ano, os carros são apenas montados na fábrica. A partir do ano que vem, passam a funcionar no local também as etapas de soldagem (body shop) e pintura. “Não são todas as peças que vêm de fora. Nós já temos fornecedores locais, para os bancos, por exemplo”, diz o presidente da BMW do Brasil, Arturo Piñero.

A etapa inicial da produção, chamada de estamparia (corte das chapas), continuará sendo feita na Alemanha, assim como os motores tanto a gasolina quanto flex.

Mais carros flex

“Estamos estudando a possibilidade de todos os carros que estamos produzindo na fábrica incorporarem o motor flex dentro do seu momento”, diz Piñero.

“Temos um departamento de engenharia no Brasil que vai estudar toda a possibilidade de investimento e desenvolver tecnologia para o conteúdo local.” Atualmente, o Série 1, Série 3 e X têm versões com motor bicombustível; no X1 todas versões são flex.

Simbolicamente, o primeiro carro a sair da linha de montagem, a versão 328i ActiveFlex (bicombustível) do Série 3, foi autografado pelos funcionários. Segundo Piñeiro, a fabricação do X1 começa no fim deste mês. “No ano que vem vamos produzir os outros 3 modelos (Série 1, X3 e Mini Countryman), e a sequência a gente vai comunicar em 2015″, afirmou.

A fábrica de Araquari tem 500 mil metros quadrados de área construída. A estimativa é que sejam gerados 1,3 mil empregos diretos e pelo menos 2,5 mil indiretos na região, quando a montadora estiver operando com capacidade máxima de produção, de cerca de 30 mil veículos ao ano, o que não tem prazo para ocorrer. “No ano que vem, a capacidade de produção será de 15 a 18 mil carros”, afirma Piñero.

Preços não mudam

Como a marca já havia dito, os preços dos modelos feitos em Araquari não serão diferentes dos importados até então. “No momento em que nos inscrevemos no Inovar-Auto, nós já viemos nos beneficiando da redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados). Por isso o preço do carro não vai baixar, e também não vai subir”, explica o presidente.

O Inovar-Auto é o conjunto de regras do governo federal que, se cumpridas, resultam em benefícios como IPI menor.

Por ora, a BMW diz que não exportará os veículos produzidos no Brasil. “A nossa prioridade é atender o mercado brasileiro, ainda não temos condições de exportar, mas, se amanhã tivermos, estamos preparados para expandir e atender ao mercado, provavelmente, o latinoamericano”, diz o executivo.

2015 ‘será difícil’

Piñero destacou que o mercado de carros premium vinha crescendo de uma maneira sustentável e muito forte, “o que, infelizmente, não continua neste ano”.

“Nós estamos vivendo um momento de incerteza, não sabemos exatamente o que vai acontecer após esse período eleitoral. Mas, independente de quem sejao novo Presidente da República, uma coisa é certa: 2015 vai ser um ano difícil”, resumiu. “Mas as empresas têm que estar prontas para trabalhar em anos de expansão e anos de contração (do mercado). Nós estamos preparados para enfrentar 2015. Vamos crescer em 2015.”

Com a fábrica em SC, a BMW passa a somar 30 unidades de produção e montagem de veículos em 14 países de quatro continentes. A marca também fabrica motos, pela divisão Motorrad, no Brasil, em Manaus, desde 2009.

Outras marcas de luxo também apostam na produção no Brasil. A Audi deverá retomar a fabricação de modelos em São José dos Pinhais (PR), junto à fábrica da Volkswagen, dona da marca. Em 2016 devem ser inauguradas as fábricas da Mercedes-Benz, em Iracemápolis (SP), e da Jaguar Land Rover, em Itatiaia (RJ).

Fonte: G1 SC
Texto: Júlio Ettore

Comments are closed.