O que o Argo pode fazer pela Fiat
23 de junho de 2017 – 14:52 | Coment√°rios desativados

Criado para substituir o Punto, o Bravo e algumas vers√Ķes do Palio, o hatch produzido em Betim faz parte de uma estrat√©gia que n√£o mira s√≥ o volume de vendas, mas principalmente a redu√ß√£o de …

Ler post completo »
Curiosidades

F1

Mercado

Motos

Novidades

Home » Mercado

Audi reserva grande plano de investimento para o Brasil, diz CEO

Submitted by on 11 de setembro de 2013 – 12:00No Comment

24

O sorriso no rosto de J√∂rg Hofmann para os jornalistas brasileiros entra na sala reservada do estande da Audi no Sal√£o de Frankfurt para falar de um “grande plano de investimento” para o mercado brasileiro. O alem√£o acaba de assumir como o novo presidente e CEO da montadora no Brasil e j√° faz tr√™s meses que tem aulas de portugu√™s. “Falarei fluentemente”, empenha-se o executivo, em primeira entrevista ap√≥s an√ļncio do cargo.

Apesar de toda a simpatia, e de se arriscar no “oi”, ele mant√©m a postura da companhia em n√£o revelar informa√ß√Ķes sobre a produ√ß√£o de carros da marca no Brasil. “Eu n√£o falo sobre planos nenhum de produ√ß√£o”, diz, em ingl√™s mesmo. Questionado pelo G1 sobre a afirma√ß√£o de Ulrich Hackenberg, novo membro do Board for Technical Development da Audi, de que a produ√ß√£o do A3 nacional √© certa, o novo presidente riu: “Ele disse? Bom”. “S√≥ falarei quando tivermos um an√ļncio oficial. Estamos fazendo investiga√ß√Ķes a respeito, mas n√£o podemos dizer nada ainda”, ressaltou.

Mesmo assim, “irredut√≠vel”, ele d√° ind√≠cios de que a f√°brica sair√° ao adiantar que a meta √© atingir a m√©dia de venda anual de 30 mil carros em 5 anos ‚ÄĒ neste ano, a Audi Brasil pretende entregar 7.000 modelos aos seus clientes, superando em aproximadamente 40% o n√ļmero de vendas em rela√ß√£o ao ano passado.

Para elevar o volume, segundo Hofmann, ser√° preciso lan√ßar novos produtos e dobrar o n√ļmero de concession√°rias. Por√©m, o c√°lculo n√£o √© t√£o f√°cil assim, j√° que o aumento do d√≥lar perante o real √© um dos principais desafios da marca premium no pa√≠s ‚ÄĒ outro sinal de fabrica√ß√£o local. Segundo o executivo, √© preciso carros abaixo de R$ 80 mil para se ter o volume almejado.

O alem√£o tamb√©m aponta como preocupa√ß√£o a necessidade de ajustes dentro da pr√≥pria empresa, mas sem citar quais s√£o as √°reas. “Cheguei faz pouco tempo, mas j√° identifiquei algumas √°reas que exigir√£o mudan√ßas”, afirma.

Nanuk no sal√£o

A Audi ganhou destaque no Sal√£o de Frankfurt com a apresenta√ß√£o do show car Nanuk Quattro Concept, um carro de dois lugares com formas exageradas e angulares. O crossover conceito combina a din√Ęmica de um carro esportivo de alta performance com a versatilidade da tecnologia Quattro para ter desempenho superiro tanto na estrada quanto na pista de corrida e no off-road .

O principal atrativo é o motor V10 TDI, potente propulsor a diesel 5.0 biturbo que produz 544 cv de potência e oferece 1.000 Nm de torque a partir de apenas 1.500 rpm. A transmissão reforçada de sete velocidades S tronic, localizada atrás do motor, transfere o torque para um sistema de transmissão quattro especialmente projetado.

Outra inova√ß√£o tecnol√≥gica do show car √© a dire√ß√£o integral, que resolve o conflito cl√°ssico entre comportamento din√Ęmico e estabilidade. O sistema combina a dire√ß√£o din√Ęmica no eixo dianteiro que, entre outras fun√ß√Ķes, pode intervir nas curvas r√°pidas para maior estabilidade, com dire√ß√£o suplementar para as rodas traseiras. Atuadores separados ativam duas barras de dire√ß√£o.

Quando o motorista dirige em velocidades baixas a moderadas, as rodas traseiras viram at√© nove graus na dire√ß√£o oposta das rodas dianteiras. Isso encurta a dist√Ęncia entre-eixos virtualmente em cerca de 100 cent√≠metros, reduzindo o raio de giro para aproximadamente 10 metros. A dirigibilidade torna-se mais √°gil e o show car √© bastante neutro em curvas.

J√° em velocidades mais elevadas, o sistema vira as rodas traseiras em at√© 2,5 graus na mesma dire√ß√£o das rodas dianteiras. Isso amplia virtualmente a dist√Ęncia entre-eixos para cerca de 140 cent√≠metros, para melhor estabilidade. Nas rodovias, o carro-conceito est√° firmemente colado √† estrada, mesmo em curvas r√°pidas.

Fonte: Rodrigo Mora e Priscila Dal Poggetto / G1
Foto: Rodrigo Mora/G1

Comments are closed.